English French German Spain Italian Dutch
Traduza-me em sua língua e versifique-me em tua boca.Sinho Livre

Parasita


Deixa eu ser teu parasita constante
E hospedar-me em teu corpo gratuitamente.
E assim consumir-te por inteira,
Pouco-a-pouco...vagarosamente.

Deixa eu ser teu poeta devasso, teu amante,
E ostentar teu gôzo nos meus versos mais delirantes.
E proclamar aos velhos lençóis da tua cama açoiteira,
Teu mais novo tecido aconchegante.

Deixa eu ser tua erva-de-são-joão,teu anticoagulante
E percorrer tuas artérias num rápido instante.
Aniquilando teus coágulos,descongestionando tuas veias entupidas
E restaurar teu coração abrasante.

Deixa eu ser teu rei,teu candidato à presidente
E  governar o país do teu corpo anarquicamente
E mesmo sem ter cumprido  um terço das promessas deferidas
Ainda assim, reeleger-me unanimemente.

Deixa eu ser teu capitão , teu almirante
E manejar o leme da tua nau pelos mares mais revoltantes,
Para  depois de todos os mares e oceanos ter vencido,
Ancorar tua embarcação na ilha dos náufragos amantes.

Deixa eu ser teu deus caduco,teu herói decadente
E atender às tuas preces hediondas adulterantes
E socorrer-te quando não houver ameaça ou perigo,
Pois,apenas para que não esqueça-me de repente.

Deixa eu ser tua coca-cola,teu refrigerante
E corroer teu viciado orgão regenerante
Que anseia por mim à cada gole,à cada trago,à cada sorvo...
E anunciar em tua gastrite meus açucares e acidulantes.

Deixa eu ser teu bruxo,teu vidente
Enfeitiçar teu corpo,tuas vísceras,tua mente,
Sem perceber que enquanto te encanto ... te consumo...te absorvo...
E nada fazes para revogar, pois  é em mim que tu encontras alívio nos teus momentos mais angustiantes.

5 COMENTE-ME AQUI:

Jaynne Santos disse...

Vou ver se consigo dá uma publicada depois. Estou meio sem tempo agora!
Acho que não poderei participar, estou sem poemas por enquanto, os meus velhos já não me inebriam mais!

Forte abraço;

Jaynne Santos disse...

Ah, estou seguindo-te ja!

C. disse...

As formas, a essência, o jeito de os trejeitos de cada um. O sorriso impresso dos gestos e no sentimento. A cumplicidade. A intimidade. O relacionamento. E as muitas opções. Lindo texto!

Thais disse...

:O

devo dizer que estas de parabéns tua poesia é linda, e a forma que as palavras são usadas envolve o leitor...
te seguindo de volta...

Daniel Amaral disse...

Olá... demorei, mas já estou por aqui... Gostei do que vi.
Prometo voltar mais vezes.
Um abraço.

Postar um comentário